O Conselho Regional de Administração do Rio de Janeiro solicitou a impugnação do concurso público promovido pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

Entre as vagas disponibilizadas no concurso, o edital apresentava a ocupação do cargo de Especialista Legislativo com 15 vagas sendo oferecidas. Como requisito, o edital reserva a vaga aos portadores de qualquer formação em nível superior.

O documento foi analisado pelo Conselho do Rio, que apresentou uma impugnação administrativa solicitando a alteração do edital e a reserva do cargo apenas para os formados em Administração, além do registro do profissional junto ao CRA-RJ, tendo em vista que as funções a serem desempenhadas pelo indivíduo que assumir o cargo necessitam de profissionais capacitados e entendam a Ciência da Administração.

Na qualidade de órgão orientador e fiscalizador do exercício da profissão, o CRA-RJ busca defender e preservar os profissionais realmente aptos para tais cargos.

Para contribuir com o trabalho de fiscalização do Conselho, os profissionais que encontrarem possíveis irregularidades em editais de concursos e licitações, que explorem atividades ligadas à ciência da Administração, podem entrar em contato o Setor de Fiscalização através do Clique Denúncia.